Receba as atualizações do Blog

segunda-feira, 30 de março de 2015

Projeto Verão - Reabilitação do paladar.

Oi gente, td bem?
Olha confesso que #30diassemjacar é complicado viu? Ontem quando cheguei em casa virei pro Maridin e falei "Vamos pedir uma pizza?" isso depois de pedir pra parar no Ragazzo, de pedir Esfirra...enfim minha mente queria jacar. Mas ele é bonzinho e me disse "Não!". hahahaha
Vai pensando que tá fácil, não tá fácil pra ninguém não.
Mas ai eu lembro de onde eu saí e onde eu quero chegar e confesso que melhora o humor e me dá vontade de seguir lutando.
Eu quero um abdomen definido, não precisa ser um "six pack" mas quero ficar fina.

E esses são os números atualizados:


Sim, essa foi minha evolução. Apesar de não ter perdido muito peso minha circunferência abdominal diminuiu muito e isso me deixou bem satisfeita pois é sinal que o combo alimentação + academia funciona e muito.
Desde que me casei vi meu peso pular do 62kg pro 74,5kg e fiquei muito chateada pois meu corpo mudou muito e perdi muita roupa. Ficava desconfortável na hora de escolher as roupas e estava sempre tentando "disfarçar" algo.
Sempre posto no instagram (http//:instagram.com/cattomazstyle1) minha rotina de alimentação e exercicios.
Essa semana postei o suco detox rosa:

Esse é uma mistura de couve, hortelã, abacaxi e hibiscus. Uma amiga comentou a foto e perguntou como eu conseguia tomar isso.
Ai isso gerou o assunto desse post, eu consigo tomar porque acho gostoso, refrescante e porque meu paladar foi reabilitado. Se fosse na época de pizza, lanche, pipoca doce e leite condensado eu acharia horrível, mas agora acho ótimo! É sério...eu adoro sucos detox principalmente com couve!
Não faço mais dietas malucas e nem jejuns, eu como de td de 3 em 3 horas, bebo água e acho que meu cardápio se parece muito com o de todos vocês. Só diminui o sal, o açúcar e dou privilégio aos alimentos mais naturais com maior valor nutritivo e vou explicar o porque.

O Sal:
“O sal é bom para o paladar, porque destaca o sabor dos alimentos, mas para o organismo não é tão eficaz”
Ele é um nutriente obrigatório na dieta de qualquer pessoa, mas é preciso cautela. O consumo de sal em excesso faz mal à saúde. A Organização Mundial da Saúde (OMS) indica que seu consumo ideal é de apenas seis gramas por dia para um indivíduo adulto. Entretanto, o brasileiro consome, em média, de 12 a 24 gramas diárias, e a maioria não se dá conta dos males que traz para o organismo.
Sódio não é só sal de cozinha. Sal de cozinha é cloreto de sódio. Os conservantes, adoçantes e o fermento biológico também são compostos de sal. Até mesmo a água tem.
É preciso controlar a alimentação para não cometer excessos. O sal é responsável por males perigosos como hipertensão e doenças cardiovasculares. Em demasia, pode causar aumento da pressão arterial, sobrecarga renal e pode levar a um Acidente Vascular Cerebral (AVC). Se a pessoa não tem o costume de ingerir água, piora sua condição.
O sal é bom para o paladar, porque destaca o sabor dos alimentos, mas para o organismo não é tão eficaz
 
Não é que ele seja de todo ruim, mas grande parte dos alimentos que consumimos já tem sal e ele é totalmente vilão numa dieta equilibrada. Em minha casa deixo o sal na prateleira mais alta da cozinha e uso o sal light que é parte sal e parte potássio.
 
O Açúcar:
 
"Experimentos de laboratório com ratos mostraram sinais de dependência de açúcar desenvolvida durante o curso de dez dias. Isso sugere que o comportamento de fome-abuso não demora para acontecer nos animais, tornando-os dependentes. Há algo que leva à dependência nesta combinação de opióides elevados e respostas de dopamina. Sem estes neurotransmissores, o animal começa a se sentir ansioso e quer comer doces de novo." psicólogo Dr. Bart Hoebel
Não é tão dificil entender a ação do açúcar se voltarmos a infância, em como éramos recompensados depois de comer toda a comida com um DOCE.
Sim....isso mesmo, você não se lembra? "Se você não comer tudo não tem sobremesa", "Se não comer a fruta não pode comer bolacha" e por ai vai.

A Reabilitação do Paladar:
É claro que depois de uma vida sendo recompensado e se recompensando com açúcar uma desintoxicação não será fácil e umas derrapadas são esperadas no processo. Meu corpo por exemplo adora a mistura de gordura e açúcar mais conhecido como chocolate, bolo, sorvete, pudim, etc. Por essa razão não cortei de uma vez, fui apenas reduzindo. Deu muito certo para mim.
Hoje, por exemplo, se sentir vontade de comer chocolate comerei um pedaço sim, pequeno e com mais cacau mas não vou passar vontade. Porém nunca mais quero comer uma barra inteira.

Tenho uma lata de leite condensado no armário, ainda é tentador, mas administro meu cérebro a não querer tomá-la como era comum a apenas 2 meses atrás.
Então eu digo que meu paladar está em REABILITAÇÃO.


 Hoje consigo tomar uma vitamina de banana, leite e aveia sem adição de açúcar, nem adoçante e ficar satisfeita com o sabor da fruta, o que antes era impossível.
Comer um cook integral já não é uma triste missão e tomar sucos sem açúcar é tão normal quanto tomar água (coisa que eu também odiava).
Quando seu paladar está reabilitado a refeição é um momento muito mais prazeroso, sentir o sabor  sem tantos condimentos e sem os açúcares artificiais é redescobrir o prazer de comer.
Ai quando você comer um doce vai gostar também, mas não será uma necessidade psicológica, dependência. Você vai ver o doce como ele tem que ser visto, apenas mais um item na sua alimentação e não uma recompensa.

E vocês, como estão nos #30diassemjacar?

xOxO Cat Tomaz.




























0 comentários:

Google+ Seguidores